O indicador de vórtice explicado: como interpretá-lo e como utilizá-lo

By Currency.com Research Team

O indicador de vórtice é uma ferramenta útil quando se trata de descobrir tendências de mercado.

Indicador de Vórtice                                 

O que é o indicador de vórtice?

O indicador de vórtice é uma das muitas ferramentas relacionadas com dados que podem ser utilizadas para medir o estado de um mercado, quais são as tendências atuais e em que direção se está a mover. Este pode ser utilizado, juntamente com outras ferramentas de dados, para ajudar os traders a realizarem previsões.

Um facto interesse relativamente ao indicador de vórtice é que este é um desenvolvimento estatístico relativamente novo. Este foi criado em 2010 por dois técnicos de mercado suíços, Etienne Botes and Douglas Siepman, tendo como base a ideia de que os movimentos ascendentes e descendentes nos mercados financeiros são similares aos vórtices que vemos na água a correr, e assenta no trabalho realizado por J. Welles Wilder, um dos maiores nomes no desenvolvimento de sistema de negociação técnicos, que faleceu a 21 de abril com 85 anos.

O indicador, à primeira vista, aparenta ser consideravelmente simples. Há duas linhas que oscilam pelo gráfico. Quando estas se cruzam, isso significa que o mercado ou está a ficar bullish, com mais pessoas a quererem comprar a ação, ou bearish, ou seja, com mais pessoas a quererem vendê-la.

Indicador de vórtice

O indicador é utilizado para medir onde as tendências gerais no mercado mudam. Estas mudanças são designadas por “reversões”: embora a palavra “reversão” tenha frequentemente conotações negativas, tudo o que significa aqui é mudança. Isto não significa necessariamente que a ação piorou.

Embora falemos sobre ações neste artigo, o indicador de vórtice poderá, teoricamente, ser utilizado onde quiser. Pode utilizar um indicador de vórtice num gráfico de preços de criptomoedas, por exemplo, e faria o mesmo trabalho que faria com ações tradicionais. Utilizamos os preços das ações aqui, porque é um pouco mais fácil e mais conveniente. Não se demova de utilizar o indicador de vórtice só porque não está a tentar analisar ações.

Como interpretar o indicador de vórtice

Conforme dissemos, o indicador de vórtice é constituído por duas linhas. Uma, VI+, indica o movimento de mercado positivo, ou crescimento, e a outra, VI-, indica o movimento de mercado negativo, ou perda. Estas são medidas ao longo de dois períodos. Os períodos escolhidos são habitualmente dias, embora possa definir o indicador para medir o período de tempo que quiser.

No geral, há habitualmente 14 períodos no gráfico. Se analisarmos o gráfico, podemos constatar que há alturas em que as duas linhas se cruzam. Se estivermos numa fase em que as coisas aparentam ser bullish, a linha +VI estará para cima e se estivermos numa fase em que as coisas parecem ser bearish, então a linha –VI estará para cima.

Aquilo que é interessante neste indicador é que uma linha vai estar sempre maior do que a outra. Não há qualquer espaço para ambiguidade. O indicador de vórtice vai dizer-nos sempre se o mercado está bullish ou bearish. Embora isto não nos diga tudo, pode ser ter uma perspetiva geral da posição atual.

VANTAGENS DO INDICADOR DE VÓRTICE

Como calcular o indicador de vórtice?

O indicador de vórtice baseia-se num cálculo que é dividido em quatro partes.

Primeiro, temos o Intervalo Verdadeiro, ou TR. Este é calculado encontrando o máximo atual menos o mínimo atual, o máximo atual menos o fecho anterior e o mínimo atual menos o fecho anterior e encontrando qual é o maior dos três.

Em segundo lugar, há o movimento com tendência de subida, ou VM+, e o movimento com tendência de descida, ou VM-. O VM+ é o valor absoluto do máximo atual menos o mínimo anterior e o VM- é o valor absoluto do mínimo atual menos o máximo anterior.

De seguida, tem o comprimento do parâmetro, ou n. Este encontra-se habitualmente entre os 14 e os 30 dias. Pega no total do intervalo verdadeiro do período do tempo, no VM+ e no VM-. De seguida, trabalha o intervalo verdadeiro durante o comprimento de n para obter o TRn, o VM+ durante o comprimento de n para obter o VM+n e o VM- durante o comprimento de n para obter o VM-n.

Na parte final da fórmula do indicador de vórtice, divide o VM+n pelo TRn para obter o seu VI+ e divide o VM-n pelo TRn para obter o VI-. Parece complicado, mas assim que o compreender, verá que é muito simples. De qualquer das formas, o programa deve fazê-lo por si.

Como utilizar o indicador de vórtice

Utilizemos um exemplo de um gráfico de preço de ação com um indicador de vórtice a ser executado sob este. Nesta demonstração o VI+ encontra-se a vermelho e o VI- a azul. Analisemos.

Indicador de vórtice

Se examinarmos este gráfico, podemos constatar que o período de tempo é de 14 dias. Também podemos ver que o preço é bastante volátil de momento mas, como a barra vermelha está acima da barra azul, estamos numa fase bullish.

Também podemos verificar que as tendências mudaram um pouco recentemente, e que há pouco tempo atrás estávamos numa fase bearish. Podemos utilizar esta informação para informar as nossas decisões sobre esta ação em particular.

Os contratempos

Embora o indicador de vórtice seja útil, este não é perfeito. Em primeiro lugar, este só consegue dizer-lhe o que aconteceu e o que está a acontecer, não o que vai acontecer.

Se está a investir, tem de realizar a sua respetiva pesquisa, lembre-se que os preços tanto podem subir como descer, que a performance anterior não reflete resultados futuros e nunca invista mais dinheiro do que aquele que pode perder.

Além disso, como o indicador de vórtice lida com oscilações no mercado, por vezes este pode dar sinais falsos, particular se o n se situar num período de tempo relativamente curto.

Finalmente, o indicador de vórtice tem pouco mais de 10 anos, por conseguinte, este não foi tão bem testado como outras ferramentas estatísticas. Não obstante, o indicador de vórtice pode ser um elemento muito útil para a análise de dados quando tem uma estratégia de indicador de vórtice combinada com outras ferramentas estatísticas.

DESVANTAGENS DO CALCULADOR DE VÓRTICE

The material provided on this website is for information purposes only and should not be regarded as investment research or investment advice. Any opinion that may be provided on this page is a subjective point of view of the author and does not constitute a recommendation by Currency Com Bel LLC or its partners. We do not make any endorsements or warranty on the accuracy or completeness of the information that is provided on this page. By relying on the information on this page, you acknowledge that you are acting knowingly and independently and that you accept all the risks involved.
iPhone Image
Negocie as principais ações, índices, matérias-primas e pares de FX tokenizados do mundo com cripto ou fiat
iMac Image
Negocie as principais ações, índices, matérias-primas e pares de FX tokenizados do mundo com cripto ou fiat
iMac Image